08 maio 2006

A volta da que não foi

Enfim, estou de volta à ativa. “I’m back”, como diria o Terminator, após um longo intervalo. Como eu não conseguiria escapar da política, mesmo sendo uma detratora da modernosa politização de tudo, preferi ficar caladinha, à espreita. Lembrei, em meio a isso, que quem cala consente, e espernear um pouco não faz mal.

Nenhum comentário: